28 de outubro de 2009

Aprovado o PLC 29/2009

Como todos já sabem, na madrugada do último dia 21 foi aprovado na Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo o famigerado PLC 29, que institui definitivamente a inexistência de um plano de carreira para o quadro do magistério, já que apenas 20% dos professores poderão passar da faixa 1 para a 2 já no próximo ano, apenas 4% (quer dizer, 20% dos 20% que atingirem a faixa 2) para a faixa 3 daqui a 3 anos, 0,8% (20% dos 4% da faixa 3) para a faixa 4 daqui a 6 anos e nada mais que 0,16% para a faixa 5 (isso no máximo...), somente daqui a 9 anos! Essa é a definição tucana de "aumentos salariais reais". O projeto foi aprovado por 48 votos contra 21, sendo que foram rejeitadas todas as 25 emendas propostas (a íntegra do PLC 29/2009, das 25 emendas e da sua tramitação estão disponíveis no Portal da Assembleia).

Deputados que votaram SIM ao PLC 29 e contra os professores

DEM
Edmir Chedid
Estevam Galvão
João Barbosa de Carvalho
Milton Leite Filho

PDT
José Bittencourt
Rogério Nogueira

PMDB
Baleia Rossi
Jorge Caruso
Uebe Rezeck
Vanessa Damo

PP
Mozart Russomano

PPS
Alex Manente
Davi Zaia
Roberto Morais
Vitor Sapienza

PRB
Gilmaci Santos
Otoniel Lima

PSB
Ed Thomas
Jonas Donizette
Luciano Batista
Marco Porta
Vinícius Camarinha

PSC
Said Mourad

PSDB
Analice Fernandes
Bruno Covas
Cassio Navarro
Celino Cardoso
Celso Giglio
Fernando Capez
Geraldo Vinholi
Hélio Nishimoto
José Augusto
João Caramez
Maria Lucia Amary
Mauro Bragato
Milton Flávio
Paulo Barbosa
Pedro Tobias
Roberto Massafera
Rodolfo Costa Silva
Samuel Moreira
Vaz de Lima

PTB
Campos Machado
Roque Barbieri
Waldir Agnello

PV
Camilo Gava
Edson Giriboni
Reinaldo Alguz

Deputados que votaram a favor dos docentes

PCdoB
Pedro Antonio Bigardi

PDT
Olímpio Gomes

PSOL
Carlos Giannazi
Raul Marcelo

PT
Adriano Diogo
Ana Perugini
Antônio Mentor
Beth Sahão
Carlinhos Almeida
Donisete Braga
Enio Tatto
Fausto Figueira
José Cândido
José Zico Prado
Marcos Martins
Maria Lúcia Prandi
Roberto Felício
Rui Falcão
Simão Pedro
Vanderlei Siraque
Vicente Cândido

Um comentário:

Luis Reis disse...

Essa votação mostra como o PSDB ama os professores, mas não vejo nenhum professor reclamar deles, o que eu vejo é os professores culpando o Maluf de tudo que acontece de ruim com eles.